Baron: a aliança perfeita entre conforto e resistência

Baron: a aliança perfeita entre conforto e resistência

Conheça a versatilidade do bimotor executivo da Beechcraft que conquistou um variado público pelo mundo

Por sua insuperável combinação entre potência e robustez, somada à capacidade de operar em qualquer tipo de pista, inclusive em pistas curtas e não pavimentadas, o Beechcraft Baron tornou-se uma forte tendência nas áreas agrícola e coorporativa.

Contudo, é também bastante utilizado para outras finalidades como lazer e negócios. Fruto de um projeto ousado, inspirado no monomotor a pistão Beechcraft Bonanza, esta aeronave possui uma cabine configurável com excelente espaço interno, permitindo mais conforto para os passageiros e espaço alternativo para carga ou bagagem.

Voltado a transportar até seis ocupantes (sendo o piloto mais cinco) o bimotor a pistão da Beechcraft Coorporation é uma excelente combinação entre força e segurança!  Impulsionado por dois motores Continental IO 550 aspirado (, possui velocidade do cruzeiro de 350 km/h, alcançando até 2.700 km.

O peso máximo de decolagem é de aproximadamente 2.500 kg. O modelo mais recente da aeronave (G-58) utiliza o moderno sistema de navegação EFIS (Electronic Flight Instrumente System), composto pelas telas PFD (primária) e MFD (multifuncional), além de apresentar o sofisticado painel G1000.

A primeira versão do Baron A55, desenvolvida em 1960, era compacta e tinha capacidade para transportar um piloto e mais três passageiros.

Produzida em larga escala de 1960 a 1983, a aeronave foi um sucesso de vendas sobretudo nos Estados Unidos. Por esse motivo, recebeu uma série de melhorias originando os modelos B-55, C-55, D-55 e E-55. Alguns deles chegaram a ser produzidos em versões militares para o Exército Norte-americano.

Entretanto, o Baron compacto foi superado por sua versão alongada o modelo 58, que se apresentava como mais vantajosa do ponto de vista econômico.

A partir de 1983, a Beechcraft retirou os compactos do mercado, passando a fabricar somente a versão alongada. Ainda mais popular que o modelo anterior, o Baron 58 também foi aprimorado, resultando no modelo atual G-58. Além disso, este avião também ganhou versões turbo de ambos os modelos.

O Baron 56TC (versão turbo do Baron 55), o Baron 58TC (versão turbo do Baron 58) e o Baron 58P (versão pressurizada do 58).

Como seu concorrente direto, o Piper Seneca, da Piper Aircraft, o Baron teve grande aceitação no mercado brasileiro nas décadas de 1970 e 1980. Época da expansão da aviação no país. Em se tratando de mercado mundial, foram comercializadas mais de 6.000 aeronaves Baron somando-se as versões compacta e alongada.

Quanto às comparações entre as duas aeronaves, pode-se dizer que as principais  vantagens do Baron 58 sobre o Seneca V são a robustez, a velocidade e a autonomia.

Existe uma modificação para o tanque de combustível do Modelo 58 que amplia consideravelmente sua autonomia. Ambos possuem valores de manutenção bastantes semelhantes.

Em relação ao consumo, embora o Baron seja menos econômico que seu concorrente, possui velocidade de cruzeiro superior.

Possui esta aeronave? Conte com a Chamone Aviação Executiva para realizar a manutenção do seu Baron. Temos os melhores especialistas do país para as demandas dessa aeronave, além de sua homologação.

Gostou desse avião? Já pensou em ter um? A Chamone te auxilia a realizar uma compra garantida. Confira o serviço de inspeção pré compra.

 

Ficha Técnica BARON 58

  • Capacidade: 1 piloto e 5 passageiros;
  • Velocidade de cruzeiro (versões aspiradas): Aprox. 350 km / h;
  • Velocidade de cruzeiro (versão turbo): Aprox. 370 km / h;
  • Velocidade de cruzeiro (versão pressurizada): Aprox. 380 km / h;
  • Comprimento: Aprox. 9 metros;
  • Envergadura: Aprox. 12 metros;
  • Altura: Aprox. 3 metros;
  • Motorização (potência): 2 X Continental IO-520 aspirado (280 hp);
  • Motorização (potência): 2 X Continental IO-550 aspirado (300 hp);
  • Motorização (potência): 2 X Continental TSIO-520 turbo (320 hp);
  • Hélices (B-58): Hartzell (três pás);
  • Hélices (B-58): McCauley (três pás);
  • Combustível: AVGAS 100;
  • Aviônicos (B-58): Bendix King e Garmin;
  • Aviônicos (G-58): Garmin, Honeywell e L3;
  • Consumo médio (AVGAS): Aprox. 120 litros / hora (lotado / 75% potência / com reservas);
  • Consumo médio (AVGAS): Aprox. 0,07 litro / passageiro / km voado;
  • Alcance: Aprox. 1.700 quilômetros (lotado / 75% potência / com reservas);
  • Teto de serviço (aspirado): Aprox. 6.000 metros;
  • Teto de serviço (turbo): Aprox. 7.500 metros;
  • Peso máximo de decolagem (versões aspiradas): Aprox. 2.500 kg;
  • Peso máximo de decolagem (versão turbo): Aprox. 2.800 kg;
  • Pista de pouso: Aprox. 1.200 metros (três passageiros / dias quentes / tanques cheios);
  • Preço / B-58 (no Brasil): Aprox. US$ 380 mil (usado / bom estado de conservação);
  • Preço / B-58P (no Brasil): Aprox. US$ 480 mil (usado / bom estado de conservação);
  • Preço / G-58 (no Brasil): Aprox. US$ 750 mil (usado / bom estado de conservação);

ENTRE EM CONTATO CONOSCO
SOLICITE SUA COTAÇÃO

Fale com a Chamone Aviação

Você deseja receber o contato de um especialista?

Quer tirar dúvidas sobre o nosso atendimento, conhecer melhor nosso corpo técnico ou saber mais sobre uma aeronave? Temos um especialista a disposição.